adeus, eu

Atravessei a passarela sem olhar para os lados. Nem pra baixo. Não era medo de altura ou vertigem. A hora avançava, a metrópole desconhecida e as baforadas de cigarro cortavam. Mais até que o pouco usual frio em outubro. Em minha terra de prédios parcos já era verão. Avancei por mais umas ruas. Era o sentido onde o mapa apontava. Noroeste. Sempre fui péssimo em ler mapas. Mas a intuição também apontava pra lá. Arrastava minha mala com as roupas separadas cuidadosamente para as ocasiões. E toda vez que vislumbrava o prédio que deveria ficar, ele se misturava em outros prédios num labirinto suspenso pra caminhar eternidades.

Nesses minutos perdidos eu já não sabia o que vestir no dia seguinte. Eu não sabia o que comeria. Eu sabia que não voltaria pra casa. Isso me libertava.

Sentei no beiral da calçada. A desordem da cidade aos poucos em mim. Já não sentia frio. Eu era um grande cigarro sendo tragado. Apertado entre os dedos de uma mulher com o esmalte descascado. Era curvas no ar em brasa e cinza.
Era a bituca no chão. Era a bituca que me comia os sentidos e a razão. Sob as curvas de uma coragem passageira, peguei o celular e escrevi pra Maria: “cheguei, a entrevista de emprego tá confirmada pras nove. Mês que vem mando sua passagem.”
Rodei mais algumas ruas até me achar de vez. Troquei poucas palavras, o erre demora mais aqui. Tomei banho, sopa e deitei a roupa em um cabide como talismã numa caixa de veludo. Despertador para as seis.
Acordei suando tanto quanto no dia que conheci Maria. Escrevi longo recado: “Volto nunca mais, Maria. Te amo até quando existir palavra”. Subi para o terraço indicado. A entrevista ficaria sem entrevistado. Marchei calado, um riso pendurado nos olhos, nenhum na boca.

Nesses minutos achados eu já não sabia o que vestir no dia seguinte. Eu sabia que não comeria. Eu sabia que não voltaria pra casa. Isso me libertava.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s