Bêbado

Início de manhã, abriu a porta de casa: entrou uns raios de sol, ar fresco, o frio de junho e o silêncio da rua. Olhou para os dois lados da rua e a atravessou, tropego, resquícios da bebedeira anterior.

Mãos tremiam de vontade. Alguém juraria que era de frio, eram nervos fora do lugar.

Vagou uma. Fechado. Duas. Ainda dormem. Três. “Não é possível”. Quatro. A garganta seca.

Uma porta entreaberta. No ambiente, pernas de madeiras apontadas para cima, nada convidativas. Bitucas de cigarro, cabeças de camarão seco, tampas, cascas de amendoim ainda no chão, algumas garrafas vazias. Vestígios da noite anterior: algum casal formado de momento? Amigos depois do trabalho? Ou artifícios e complementos de alguém que queria esquecer?

“Desce uma cerveja, pega aquela que fica do lado da parede do freezer”.

“Isso é hora de beber, filho de Cristo?” A repressão era apenas convenção. O freguês para o dia todo estaria garantido.

“Vou beber em pé mesmo, pode terminar de varrer.”

A vassoura investida ao chão, sem capricho. A música no rádio trazia memórias de garrafa esvaziar. Com pilhas delas o dia passava.

Quando era noite, equilibrava a volta, tateava a buraco da fechadura. Mãos vacilavam com a chave que insistia em não entrar.

Abriu a porta de casa: entrou o escuro da noite, alguns pernilongos, uma pessoa que esqueceu.

Anúncios

3 comentários sobre “Bêbado

  1. Rá. Adoro esta vida. Lembro-me, com muita falta, dos bares fedidos que eu frequentava em Coité. Por muitas vezes era somente eu, o dono e o som. Sinto falta disto – e quero voltar a curtir coisas assim. Hoje mais não, mas por muitos anos meu melhor amigo era um desconhecido dono de um bar.

    Lindíssima narração. Trouxe-me a mim.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s